Preconceito? não. Amor? SIM!!!

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someonePrint this page

Sr. Pergunta… “Essas condenações sobre homossexualismo, sobre sexo no namoro, etc. Com argumentos bíblicos, sobre pecado, inferno, enfim, essas coisas. Você já pensou o quanto um homossexual fica ofendido com esse tipo de coisa? Como ele se sente sendo condenado e tratado como um doente, um desvio da natureza? Esse tipo de pré-conceito sim é que deveria ser condenado.”

Eu… Sr. Pergunta, ficamos muito satisfeitos em receber seus questionamentos e críticas. Dessa forma, não poderíamos deixá-lo sem uma explicação mais clara sobre o assunto. Quando o primeiro pecado aconteceu no jardim do Éden, “entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram” (Rm 5.12). Significa dizer, que todos nós nascemos e morremos pecadores. Independente de qualquer coisa, ou vontade nossa. Se cremos ou não nisso, não mudará o fato de que TODOS nós somos pecadores.

 

Sr. Pergunta… Entendo Paulo, mas vocês consideram homossexualismo como doença e isso é errado!!! Tenho amigos que se sentem ofendidos!!

Eu… Sr. Pergunta, não consideramos essa prática como doença. Ela é apenas mais um dos resultados da natureza pecaminosa do ser humano. Veja o que Deus diz (Rm 1.22-24): Primeiro, a humanidade dizendo-se sábia, tornou-se louca; Em seguida, mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis. Qual a consequência? Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si. Ou seja, o ser humano, que resiste a Deus e a sua Palavra, é entregue aos seus próprios desejos. A pessoa escolhe pecar ou não. Ela, também, pode escolher sua própria orientação sexual. Se nossa vida não estiver sendo guia pela Palavra de Deus, nossos desejos sempre tenderão para o pecado através de várias práticas. E a homossexualidade é uma das práticas condenadas por Deus. Não é doença, é uma escolha errada!

 

Sr. Pergunta… Ok Paulo, mesmo assim eles não se sentem bem com esse tipo de preconceito!

Eu… Sr. Pergunta, eu não chamaria isso de preconceito, mas de amor. Amor? Por quê? Um amigo de verdade sempre fala o que queremos ou não, certo?

 

Sr. Pergunta… Sim. Prossiga.

Eu… Enquanto não somos salvos, permanecemos inimigos de Deus (Fp 3.18-19). Porém, Ele deseja ser nosso amigo, por isso ele revela à humanidade, através da sua Palavra, nossos pecados para que possamos nos arrepender e sermos salvos da morte eterna!! Pois, todos nós nascemos condenados! Essa situação só muda quando nos arrependemos de todos os nossos pecados e cremos em Jesus como nosso salvador!! Somos, então, reconciliados com Deus (Rm 5.10).

Tal salvação só é possível, somente, por causa do sacrifício realizado por Jesus Cristo na cruz. Isso nos mostra o quanto Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu único Filho, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.(Jo 3.16). Sr. Pergunta, espero ter ajudado-o a entender melhor a mensagem do Evangelho. Ela não é preconceituosa, ao contrário, ela expressa o amor de Deus que foi provado na cruz, através de Jesus Cristo. O Todo-Poderoso está de braços abertos para salvar todo aquele que se arrepender e for até Ele! (Jo 6.37) Deus o abençoe.


Related Post

Comentários