O tesouro que te justifica…

posted in: Justificação | 0
Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someonePrint this page

Segundo o pastor John Piper, fé é considerar Cristo como nosso maior tesouro.

Não é lindo isso???

 

Você acredita que Cristo é o seu Salvador, porque Ele é o seu bem maior.

 

Você crê no que Ele fala porque não existe ninguém em quem você confie mais.

 

Você vencerá a batalha contra o pecado porque o seu o alvo é a sua maior riqueza: Cristo.

 

Você é até capaz de sofrer e morrer por Ele, porque para ter o seu tesouro você faz qualquer coisa.

 

Possivelmente, quando Martinho Lutero compôs o hino “Castelo Forte” era nisso que ele pensava.

 

Ao lhe ser revelado pelo Espírito Santo que o homem é justificado pela fé em Cristo Jesus e não por suas obras, ele deve ter percebido: “Se as minhas obras me salvam, então o meu maior tesouro sou eu mesmo e eu sei que isso não é verdade. Mas, se Cristo é o meu maior tesouro, então só ele pode me salvar. Sendo assim, ele é tudo o que eu preciso.”

 

Atente para o comentário do teólogo Wayne Grudem:

 

“A verdadeira visão sobre a justificação é a linha divisória entre o evangelho bíblico da salvação somente pela fé e todos os falsos evangelhos baseados nas boas obras”. 

 

Afinal de contas, como podemos definir a justificação? Vamos continuar com o pensamento de Grudem:

 

“Justificação é um ato instantâneo e legal da parte de Deus pelo qual considerou nossos pecados perdoados e a justiça de Cristo pertencente a nós e declara-nos justos à vista dele.”

 

Cristo é o único que nos justifica. A sua obra (somente ela) é suficiente para nossa salvação porque Ele é tudo para nós. Além de ser a nossa maior riqueza, Ele também é o grande tesouro do Pai que diz: “este é o meu filho amado em que tenho prazer.”

 

 

Pense nisso!!!

 

Deus nos abençoe!!!

 

Related Post

Comentários