Ressignificar!!!

Compartilhe...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someonePrint this page

“as igrejas em toda a Judéia, e Galiléia e Samaria tinham paz” At 9:31

Depois de uma longa parada, devido à mudança de cidade, problemas com o computador e tantas outras coisas, voltamos com as nossas reflexões em Atos dos Apóstolos. Glória a Deus que nos faz vencedor em todas as coisas!!!

Anteriormente, vimos a conversão de Paulo . Um dos maiores milagres do Novo Testamento, trazendo uma série de consequência para judeus, gentios e a Igreja. 

Enquanto os judeus se revoltaram com Paulo por considerá-lo um traidor do judaísmo, os gentios ganharam um presente Divino. Um apóstolo que iria amar, cuidar e viver exclusivamente por eles. A Igreja primitiva, inicialmente,  encheu-se de desconfiança quanto ao novo convertido. Mas depois, o amor e a maturidade dos crentes fez com que eles percebessem o quanto aquele homem seria importante na vida da Igreja em todos os tempos.

Ao finalizar o relato da conversão do apóstolo,  Lucas traz um resumo do que significou tudo isso naquela época: Assim, pois, as igrejas em toda a Judéia, e Galiléia e Samaria tinham paz, e eram edificadas; e se multiplicavam, andando no temor do Senhor e consolação do Espírito Santo.” At 9:31. 

Que notícia maravilhosa!!! Agora eles tinham paz!!! Que sensação gostosa!!! Aleluia!!!

Claramente percebe-se que Lucas valorizou e focou nas coisas boas que aconteceram naqueles dias.

Diante do resumo de Lucas, convido você à reflexão…

Estamos findando mais um ano! Quantas dificuldades, lutas, fracassos e frustrações,… Mas, você e eu sabemos que não foi só isso…

Existe uma palavra muito importante na neurolinguística, também usada na psicologia: Ressignificar.

Vejamos o conceito:

“Ressignificar, na prática, é a capacidade que possuímos e quase não percebemos,de encarar de forma simples as situações que antes eram complicadas;  de perceber de uma nova maneira e dar um novo sentido àquilo que já estava formatado no nosso sistema de valores e crenças.

A finalidade é alterar o significado anteriormente dado a alguma situação da vida. Quando o significado se modifica, mudamos também nossa maneira de agir.

ASSIM, podemos aprender a pensar e sentir de outro modo, mudando o significado  das coisas, vendo novos pontos de vista ou levando outros fatores em consideração, e então,  passamos a encarar fatos negativos com equilíbrio emocional 

Enfim, ressignificar é um movimento pelo qual desenvolvemos nossa capacidade de compreender as circunstâncias da vida.” 

Aprendemos tanto a valorizar o negativo que não percebemos o quanto fomos abençoados em 365 dias do ano.

Muitos deixam suas vidas estacionadas em algum momento ruim. Um momento difícil de divórcio, frustração, ofensa,  perda de uma pessoa querida, decepção, negócio que não deu certo, entre outras coisas da vida. Ao fazermos isso ficamos reféns do desânimo, da depressão e de outras doenças psicossomáticas.

Devíamos buscar esperança no que Deus diz em sua Palavra: 

“Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais. Então me invocareis, e ireis, e orareis a mim, e eu vos ouvirei. E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração.” Jr 29:11-13 

O escritor da Carta aos Hebreus nos lembra de que Deus vai além do ressignificar. Ele simplesmente resolve esquecer-se: “Porque serei misericordioso para com suas iniqüidades, E de seus pecados e de suas prevaricações não me lembrarei mais.” Hb 8:12

Esquecer é quase impossível para nós mortais, mas vale à pena esforçar-nos para deixarmos o passado para trás (Fp 3.13) e termos a visão de Atos dos Apóstolos, ou seja, focar nas boas notícias. Resumimos, nosso dia, nosso mês, nosso ano, nossa vida no que foi produtivo, no que realmente foi bom.  

Ressignificar é um processo demorado, trabalhoso e por vezes até dolorido. É um modo de mudar nossa cosmovisão (visão de mundo), enxergando as coisas através de outras lentes, preferencialmente usando amor e compreensão, assim como fez o pai do “filho pródigo”, reagindo positivamente às decepções que o filho lhe impôs. (Lucas 15:11-32). 

A ordem do Todo-Poderoso continua sendo:

“Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas.” Fp 4:8

Fazendo assim cumpriremos também esse mandamento: transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que proveis qual é a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. (Romanos 12:2b)

Enfim que venha o ano novo com novos desafios!!! Estaremos confiantes em Deus, acreditando que grandes coisas o Senhor fará por nós e por isso ficaremos alegres.

Que possamos ao fim de cada dia afirmar: 

 “Sim, coisas grandiosas fez o Senhor por nós, por isso estamos alegres.” (Salmos 126.3)

Ressignifique!!!  Aleluia!!! Glórias a Deus!!!

Pense nisso!!!

 

Até a próxima!!!   Deus o abençoe!!!

                                                                                                               

Elias Silvio

Notas

  1. J. Williams, David. Atos, Novo Comentário Bíblico Contemporâneo. São Paulo: Editora Vida, 1985. 
  2. H. Gundry Robert. Panorama do Novo Testamento. São Paulo: Edições Vida Nova, 1978.
  3. Craig S. Keener. Comentário Bíblico Atos, Novo Testamento. São Paulo: Editora Atos, 2004.
  4. Stott, John R. W. A mensagem de Atos. Até os confins da terra. São Paulo: ABU Editora S /C, 1990.
  5. Kistemaker, Simon J. Comentário do Novo Testamento – Exposição de Atos dos Apóstolos. Editora Cultura Cristã, 2003.
  6. http://clinica-ressignificando.blogspot.com.br/2012/05/o-que-e-ressignificar-ressignificar-na.html

Related Post

Comentários